terça-feira, 31 de maio de 2011

Luminárias Japonesas

Daí que eu tenho sonhado dia-após-dia com a data que eu finalmente me mudarei desta cidade, com mala e cuia, rumo a uma nova vida na capital financeira do nosso país. Tenho a sensação que, apesar da minha cabeça avançar todos os dias rumo aos meus muitos sonhos e planos para a nova fase, minha vida aqui está parada. Não consigo planejar nada que dure mais que um dia em Brasília. 

As vezes penso que essa espera é insana e que só eu e Deus acreditamos na minha mudança, que já foi muito  anunciada e que de tanto demorar, ninguém mais acredita que eu vá. Só eu acredito. Uma das coisas que alimenta minha esperança é imaginar como vou decorar meu futuro lar em Sampa. Fico aqui procurando coisas simples e bonitinhas, que tenham a minha cara, e que possam deixar meu dia mais bonito e mais leve.

Sempre penso no lar como o refúgio onde todas as coisas são lindas, belas, coloridas, pacíficas. Sempre penso no lar como um abrigo de amor e de luz ainda que habitado somente por mim. Talvez por isso este cantinho merece ser o mais aconchegante, cheiroso, organizado e especial de todo o universo. 

Acredito que quando eu faço qualquer coisinha simples e boba para melhorar as condições de habitação do meu espaço, e para torná-lo mais agradável, estou fazendo um carinho e depositando amor, atenção e afeto no ambiente que eu vivo, que é material (logo, não tem sentimentos para retribuir meu afago, claro!), mas deposito assim, em forma de memórias, todo o cuidado que eu tenho e posso ter por coisas e pessoas que eu "arrebanhei" com esmero e que estão ali em casa, representadas por objetos e fotos. Desta forma, penso que ninguém pode se furtar de ser delicado consigo mesmo e com os outros, decorando o ambiente de convivência.

Pensando em coisas lindas, leves e coloridas, achei estas imagens de luminárias japonesas de papel nos meus arquivos de imagens que retiro da web, e achei que seria bacana fazer um post com elas. Vantagens: elas são bonitas, coloridas e baratas. Charme! Quer ver?

Eu amo a meninice impregnada nos tons suaves de rosa deste ambiente!

Essa foto eu achei hoje e motivou este post.

Essa eu também encontrei hoje na internet.

Estou na dúvida se esta é daquelas luminárias de papel. Mas é linda e pode ser substituída por um modelo baratinho.

Essa eu também não sei se é de papel. Eu amo este banco mil-e-uma-utilidades na beira da janela.

Olha que fofo no quartinho do bebê. Será que essa coisarada junta muita poeira? :p

Eu adoro as cores desta imagem. Acho que esta não é de papel, mas quem liga?

Outra que não deve ser de papel.

Esse bercinho não lembra uma lira? Pais musicais, olhem pra isso!

Já postei essa imagem aqui, não foi?

Para quem gosta de dormir pendurado. Já postei essa foto antes mas nunca tinha reparado na luminária. Gosto deste ambiente.

Na sala ela também fica bacanuda.

Achei esse ambiente um conforto só! (Mas confesso que senti falta de um tapete)

Olha o quadro na parede! não gostei desse tapete.

No blog da Ana Medeiros, o delicioso "A casa que a minha vó queria", tem um passo-a-passo para quem quer aprender a customizar luminárias japonesas. Curte só o antes:


E agora olha o Depois:



Quer ver como fazer? Clica aqui.

Gostou? Comente! Beijos!

OBS: Ontem eu recebi pelo Facebook um elogio de uma importante professora do curso de Jornalismo da UNB, a Márcia Marques, dizendo que eu escrevo bem e que no meu blog tem muitas coisas legais. Meu Deus! Meu coração ficou todo cheio! Ela tem um blog lindo de poemas. Agora prometo que vou fazer um esforço para melhorar a escrita e caprichar na revisão dos meus textos. Afinal de contas, elogios só nos incentivam a melhorar. :D

Tchau!

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Aquele velho problema de guardar sapatos

Lembra da Laiane, aquela minha amiga que queria inspirações em roxo e lilás para um quartinho, e que eu dei algumas sugestões neste post? Parece que a reforma da casa dela está acabando e agora ela precisa guardar duas coisas muito importantes: livros e sapatos. Sobre os livros eu falarei depois. Sobre sapatos eu tenho algumas idéias. Acima de tudo, penso que quem gosta de sapatos tem que saber cuidar deles. E por isso eu achei um post super legal com dicas de "Como organizar e conservar seus calçados" e "Como conservar seus calçados". O primeiro tem dicas muito boas sobre organização e o segundo a respeito de limpeza de acordo com o material de fabricação dos sapatinhos. Uma das principais dicas é deixar os sapatos "respirando" um pouco na área de serviço, logo após o seu uso, para não guardá-los ainda suados. Por isso separei meu post em três partes: a primeira é de mobiliário para guardar, a segunda é para receber os sapatos na área de serviço (porque você não vai deixar lá jogado de qualquer jeito pra sua mãe dar um fim, né Lai?) e a terceira é sugestões de "embalagens" para sapatos mais delicadinhos.

Quero antes considerar que eu não sou arquiteta, não sou designer de interiores, não sou decoradora, não sou personal organizer, não sou ninguém. Sou apenas uma palpiteira que resolveu reunir imagens para inspirar minhas amigas a deixarem a casa mais bonita e arrumada. Então, se eu escrever bobagem e vocês quiserem me ajudar, fiquem a vontade. Se seu objetivo é outro, não encha meu saco.

Voltamos à programação normal...

Vamo nessa?

PARTE 1: Mobiliário

Jeito clássico de organizar em um closet. Atenção: na minha casa eu tenho dessas bandejas e meus sapatos de sallto não cabem. São altos demais para ficarem aí. Se for mandar projetar um armário assim, meça antes seus sapatos mais altos. Esta solução não se aplica a botas.

Eu gostei muito desse, mas não gosto de misturar sapatos com roupas a não ser que seja um armário aberto como este. Em armário fechado, não indico.

Linda vitrine, né?

Tem muitos apartamentos em Brasília que têm um "vão" inútil debaixo das janelas. Este é um bom exemplo de aproveitamento de espaço.


Tem uma porta aí? Que tal uma sapateira atrás? Essas sapateiras são bem antigas, né? Rasgam fácil também. Eu acho indicável para sapatilhas, chinelos e sapatinhos baixos e de pouco volume.

Preciso dizer que amei este móvel?

Esse aqui é bacana pra quem tem um hall e não gosta de entrar em casa calçando aquele que te aturou o dia inteiro sem reclamar. Bota o sapato aí e fecha essa portinha, por favor. E depois tire ele daí e guarde adequadamente.

Outra versão daquele mobiliário que pode ficar em baixo da janela.


Não gosto de sapatos perto de roupas, nem do colchão. Mas essa é uma boa idéia para quem tem problemas de pouco espaço.

Lindo, né? 

Closet luxo!

Esse é bom para o dia que vc encher o saco dos sapatos e quiser jogar todos fora. Pode guardar todos os seus livros aí. #brincadeirinha!

Coisa feia. Só isso.

Eu adoro essa coisa de pendurar os sapatos. Muito prático pra quem acorda atrasada sempre (tipo eu... cof cof cof...) e precisa só arrancar o sapato da gondola e enfiar no pé pra sair correndo.


2ª PARTE: Secando os sapatinhos na área de serviço

Acredito que estas cestas de acrílico você pode achar numa leroy merlin ou similar. 

Simples e barato!

Esse daqui é mais bonito, mas é a mesma coisa da imagem anterior.

Legal né? Todos penduradinhos enxugando do suor :)



Esse tipo de aramado você também encontra na Leroy e lojas do gênero :)

3ª PARTE: Acondicionando o porta-jóias (porque o pezinho da gente é jóia delicada, né?)

Alguns sapatos merecem ser guardados dentro de embalagens. Lá em casa eu guardo dois sapatinhos de camurça dentro desses pacotinhos. Quer ver?

Essas caixinhas de acrílico são muito boas, mas são caras. O legal é poder ver os sapatos e puxar a caixa certa na hora de se vestir.

Olha elas aqui de novo! :D

Esses pacotinhos são ótimos para guardar sapatos delicados. Eu guardo desta forma dois sapatinhos de cobertura aveludada que tenho.

Essa outra forma ótima: tire fotos do sapato, imprima e cole na caixa correspondente. Eu guardo meus sapatos em caixas, as no lugar das fotos eu simplesmente descrevo com pincel atômico o conteúdo das caixas.

Fofo, né? Lai, você costura! Faça estes pacotes com plástico e TNT! :D Faça um monte e doe às suas amigas mais lindas e inteligentes :D 

Faltou espaço? Que tal debaixo da cama?

 Gostou? Tomara que sim!

As imagens são da Web.

Beijos!

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Lido e lindo: Etiene

Sabe aqueles blogs que a gente consegue passar horas e horas se deliciando com as imagens? O lido e lindo d hoje vai para o blog da ilustradora Etiene. E vale a visita!

Olha que brinde fofo ela deixou para o dia das mães (clica que aumenta):



Foi de lá que eu peguei essa meiguice:

"Corações são como janelas
Tem gente que abre por inteiro
Tem gente que abre o mínimo, só pra ver a vida passar
E tem gente que não consegue abrir
Pena, vão perder a vista do céu".

Michel Cunha

terça-feira, 24 de maio de 2011

Black Decor

Hans Müller é um rapaz alto, lindo e elegante que trabalha aqui comigo. Menino fino, desses que abre a porta para as mulheres passarem. Garoto de fino trato e que é chato e perfeccionista no trabalho, mas que a gente não consegue saber como sobreviveu sem ele no ambiente profissional até aquele momento.

Dia desses, compartilhando com ele minhas lindas imagens coloridas de decoração, ele soltou essa: no dia que eu tiver a minha casa ela vai ser toda preta! Claro que eu me assustei e logo imaginei que eu não tinha nem uma imagem com uma decoração assim. Ledo engano! Fui pesquisar no meu computador e na internet imagens para ilustrar o desejo do moço. Vamos ver?

Primeiramente, após o trabalho, ele vai tomar "uns bons drinque" aqui neste bar, ó:


Depois ele vai pra casa, passa por este hall: (pós-editado) SOU LÔKA! TROCENTAS HORAS APÓS A POSTAGEM EU SAQUEI QUE ISSO É UMA PIA DE BANHEIRO E NÃO UM APARADOR COM ESPELHO EM UM HALL!!!! KKKKKKK


E corre para o quarto do filhote para dar um beijo de boa noite:

Nunca vi quartinho de bebê mais esquisito do que este! Tadinha da criança! kkk


E vai para a cozinha fazer mais uma boquinha. Vamos ver as opções:



Luxo!



Ou será que ele prefere uma refeição mais demorada na mesa de jantar?



Depois disso ele precisa descansar. Bora assistir tv?


Na boa? Não curti este ambiente.

Depois, bater um papo na sala, só pra descontrair:





Parece show room. :p




Antes de terminar o dia ele escolhe o que vai vestir no dia seguinte, porque ele é muito organizado e odeia sair de casa atrasado pro trabalho!




Achei até uma foto do momento "pausa-para-reflexão", com muito glamour, é claro!


Sobe as escadas de acesso ao seu quarto:


Olha a cozinha losho ali atrás!

E finalmente se recolhe para dormir!

Desculpe, mas eu detestei esse quarto! Vamos tentar outros ambientes menos "urubuzentos"?

Amei o papel de parede. Acho que é um mapa impresso em adesivo. Pelo menos é o que parece.




É o seu Madruga aí na fotografia? Gostei muito desse!

Que tal madeira em tom ébano para repetir uma versão mais escura deste quarto lindo?

Que tal cortinas pretas? Acho digno!

Poderíamos trocar o cinza pelo preto aqui neste, hãm?

Também amei este!


Paredes pretas neste. Que tal?


Curtiu? Será que Hans vai gostar?

As imagens são da web, de blogs e sites que eu amo, mas que não guardei o nome. A maioria deles estão lincados aí na minha listinha de favoritos.

Beijos!

As multidões

Nem todos podem tomar um banho na multidão: ter o prazer da turba é uma arte. Só assim se pode oferecer, à custa do gênero humano, um b...